Hélverton Valnir Neves da Silva, conhecido intimamente como Hélverton Baiano, nasceu em Correntina, interior da Bahia, em março de 1960 e, após concluir o primário e o ginásio em sua terra natal, mudou-se para Goiânia aos 15 anos de idade. De lá para cá, formou-se em jornalismo e fez especialização em português/redação. Além de ser um dos homens que cuidam da agenda do governador, Baiano deixa correr pelas veias os seus sentimentos de poeta e escritor, o que já lhe proporcionou inúmeros prêmios em sua trajetória literária. Recentemente lançou 2ª edição do livro "História de Correntina", sua 8ª obra. Uma verve que  ele usa para dar vazão à vida e à sua criação literária, como poeta,cronista, contista e jornalista. Participa da movimentação cultural goiana  e mantém estreitas ligações afetivas e culturais com sua cidade natal. Baiano, como é conhecido no meio intelectual, acumula diversas premiações no campo literário e tem nove livros publicados nos gêneros história, poemas, contos e dois deles como folhetos poéticos destinados à agitação cultural.